sábado, 17 de março de 2012

Itália: Fiorentina 0-5 Juventus

Fiorentina e Juventus encontraram-se esta noite em Florença, em jogo a contar para a vigésima oitava jornada da Serie A italiana, com a vitória a sorrir à 'Vecchia Signora' que goleou os 'Viola' por uns expressivos 0-5!
De um lado estava a equipa da casa que tem realizado um campeonato muito áquem das expectativas, tal como prova o décimo quarto lugar actual; do outro a Juventus, que está na luta pelo título, e que ainda não perdeu na actual temporada.
O Milan já havia jogado e ganho - em Parma por 2-0 -, logo a pressão estava do lado da equipa de Turim, que iniciou a partida ao ataque, e atirou ao poste logo aos sete minutos por intermédio de Vučinić. Na recarga, Matri tinha tudo para abrir o activo, mas atirou para longe.
Ao minuto 15', Vučinić teve espaço à entrada da área, e disparou sem hipótese para Boruc, inaugurando assim o marcador no Estádio Artemio Franchi.
O jogo ficava agora mais difícil para a Fiorentina, que logo de seguida, aos 20', ficaria reduzida a dez por expulsão de Cerci: De Ceglie 'mimou' o extremo, e este respondeu com um pontapé no jogador da Juve, sendo de imediato expulso da partida.
Oito minutos volvidos, a Juventus chegaria ao 0-2 por intermédio de Arturo Vidal: após um canto, Vučinić serviu o chileno, que primeiro rematou contra Boruc, e na recarga encostou para o segundo.
Até ao intervalo, a partida não teve grandes motivos de interesse, sendo que no segundo tempo a Fiorentina entrou mais forte na partida, procurando ir atrás do resultado.
Foi então contra a corrente do jogo, que a Juventus aumentou para 0-3 ao minuto 55': Marchisio abriu para Vučinić na esquerda, e o montenegrino cruzou para uma entrada 'triunfante' do próprio Marchisio, que num golpe de cabeça 'à peixe', fuzilou autenticamente Boruc.
A reacção da Fiorentina surgiu por intermédio de Lazzari, que viu Buffon negar-lhe o golo com uma palmada, que desviou a bola para o poste direito.
Aos 67', e após mais uma assistência de Vučinić - jogo absolutamente soberbo do montenegrino -, Pirlo fez o quarto golo da noite para os 'bianconeri': passe a 'rasgar' do avançado, e finalização de classe do médio.
Antonio Conte lançou Padoin em jogo ao minuto 70', e o médio italiano fecharia a contagem quase de imediato: aos 72', após um cruzamento de Pirlo para a área, a bola sofreu um desvio e sobrou para Padoin, que completamente solto limitou-se a encostar.
Até final, a Juventus limitou-se a controlar a partida, perante uma Fiorentina que nunca baixou os braços, e lutou até ao fim. A goleada fez, naturalmente, mossa nos adeptos do clube de Florença, que contestaram fortemente a direcção presidida por Diego Della Valle, e ainda o treinador Delio Rossi, que mesmo não podendo contar com Behrami e Jovetic, fez apenas uma substituição em 90' minutos, sendo que jogadores como Kharja e Marchionni nem aqueceram.
Ficha de Jogo:

Jogo realizado no Estádio Artemio Franchi, em Florença
Árbitro Principal: Mauro Bergonzi

Fiorentina (4-3-3): Boruc; Cassani, Natali, Nastasić e Pasqual; Montolivo, Lazzari e Olivera (De Silvestri 45'); Vargas, Amauri e Cerci.
Treinador: Delio Rossi. Suplentes Não Utilizados: Neto; Gamberini, Salifu, Kharja, Marchionni e Acosty.

Juventus (4-3-3): Buffon; Lichtsteiner, Cáceres, Bonucci e De Ceglie; Pirlo, Vidal (Padoin 70') e Marchisio; Simone Pepe, Vučinić (Borriello 70') e Matri (Quagliarella 59').
Treinador: Antonio Conte. Suplentes Não Utilizados: Storari; Chiellini, Giaccherini e Del Piero.

Disciplina:
Amarelos: Lichtsteiner 24'; Olivera 34'.
Vermelhos: Cerci 20'.

Marcador: 0-1 Vučinić 15'; 0-2 Vidal 28'; 0-3 Marchisio 55'; 0-4 Pirlo 67'; 0-5 Padoin 72'.

Sem comentários:

Enviar um comentário