domingo, 22 de abril de 2012

Espanha: Real Madrid quase campeão

O Real Madrid dos portugueses Mourinho, Ronaldo, Pepe, Coentrão e Ricardo Carvalho, venceu ontem à noite em Barcelona por 1-2, e está a um passo de se sagrar campeão espanhol.
Khedira deu vantagem aos merengues à passagem do minuto dezasseis, com o Barça a empatar aos 70' minutos, por intermédio de Alexis Sánchez. Porém, três minutos depois, Ronaldo apontou o seu quadragésimo segundo golo na competição, e deu o triunfo à turma da capital.
Os madrilenos aproveitaram as más opções tomadas por Guardiola para o onze inicial, e mesmo dando o comando da partida aos da casa, pareciam sempre ter tudo controlado.
Aos 17', na sequência de um canto, Pepe cabeceou para uma defesa apertada de Valdés que não conseguiu segurar o esférico, e de seguida, Khedira antecipou-se a Puyol, e abriu o marcador.
Os adeptos 'culés' ficaram impacientes. O Barça não estava a conseguir nem metade daquilo que lhe é habitual, apesar de ter uma esmagadora maioria de posse de bola.
A melhor oportunidade dos blaugrana no primeiro tempo, aconteceu aos 26', quando Messi isolou Xavi, mas o médio espanhol falhou por centímetros o golo do empate.
No segundo tempo, Guardiola tentou rectificar os erros do onze inicial, mas continuava a ser uma das apostas para jogar de início, Tello, a desperdiçar oportunidades. Por duas vezes, o jovem extremo espanhol podia ter marcado, mas acusou um pouco a habitual pressão destes jogos.
Aos 70', o Barça chegaria então ao empate por intermédio de Alexis Sánchez, que havia entrado aos 68'. Depois de um remate ao poste de Tello, a bola sobrou para o chileno, que à segunda tentativa marcou mesmo, embora com alguma sorte.
Quando todo o Mundo pensava que o Barça estava agora mais perto da reviravolta no marcador, Ronaldo fugiu pela direita e bateu Valdés, gritando depois "Calma!", para as câmaras de televisão.
O resultado não sofreria mais alterações, num jogo em que Messi foi uma sobra de si mesmo, e o Barça não conseguiu furar o estratagema de Mourinho, que é quase campeão.
Ficha de Jogo:

Jogo realizado no Estádio Camp Nou, em Barcelona
Árbitro Principal: Undiano Mallenco (Árbitro Principal)

Barcelona (4-3-3): Valdés; Dani Alves, Puyol, Mascherano e Adriano (Pedro 74'); Busquets, Xavi (Alexis Sánchez 68') e Thiago Alcântara; Iniesta, Messi e Tello (Fàbregas 81').
Treinador: Guardiola. Suplentes Não Utilizados: Pinto; Piqué, Keita e Montoya.

Real Madrid (4-2-3-1): Casillas; Arbeloa, Pepe, Sergio Ramos e Fábio Coentrão; Khedira e Xabi Alonso; Cristiano Ronaldo, Özil (Callejón 89') e Di María (Granero 73'); Benzema (Higuaín 90+3').
Treinador: José Mourinho. Suplentes Não Utilizados: Adán; Raúl Albiol, Marcelo e Kaká.

Disciplina:
Amarelos: Busquets 15'; Pepe 43'; Xabi Alonso 47'; Özil 77'; Granero 78'; Mascherano 86'.

Marcador: 0-1 Khedira 17'; 1-1 Alexis Sánchez 70'; 1-2 Cristiano Ronaldo 73'.

Sem comentários:

Enviar um comentário