quinta-feira, 26 de abril de 2012

Liga Europa: Sporting fica pelo caminho

O Sporting perdeu esta noite em Bilbao, frente ao Athletic, por três bolas a uma, e viu gorada a possibilidade de ir à final da Liga Europa.
A turma da casa inaugurou o marcador aos 17' minutos, por intermédio de Susaeta, com o Sporting a empatar à beira do intervalo, com um golo do holandês Wolfswinkel. No entanto, já no período de descontos do primeiro tempo, Ibai Gómez fez o 2-1 que igualou a eliminatória. Aos 87' minutos, Llorente desviou um cruzamento de Ibai Gómez na esquerda, e fez o 3-1 final, que qualifica os bascos para a final da prova.
O Sporting entrou bem no jogo, tal como os espanhóis, proporcionando-se desde logo um jogo frenético, e com um ambiente espectacular nas bancadas. À passagem do primeiro quarto de hora, os bascos chegariam ao primeiro golo da noite, após cruzamento de Muniain para a área, que Llorente amorteceu com o peito e deixou para Susaeta bater Patrício. Porém, momentos antes, houve uma falta de Muniain sobre Schaars, à qual o árbitro fez vista grossa.
A reacção leonina ao golo foi forte, com Pereirinha a falhar o empate de cabeça aos 21' minutos, e com Polga a proporcionar uma defesa apertada a Iraizoz após canto, aos 33' minutos.
Do outro lado, Ibai Gómez falhou a emenda para o 2-0 aos 40', e três minutos depois, Llorente obrigou Rui Patrício a uma grande defesa.
Logo de seguida, num canto a favor do Sporting, chegaria o empate: o canto de Matías foi aliviado, o remate de André Martins rematou contra um defensor basco, Xandão falhou a emenda de calcanhar, e a bola sobraria para Wolfswinkel, que de primeira, rematou de pé esquerdo para o empate.
A festa dos leões duraria pouco tempo, uma vez que quase de imediato, e já no período de descontos do primeiro tempo, Llorente trabalhou bem entre Xandão e João Pereira, e deixou para Ibai Gómez, que na cara de Patrício, não teve dificuldades em fazer o 2-1.
Para o segundo tempo, Sá Pinto deixou Matías no balneário e fez entrar Carriço, apanhando desde logo um grande susto ao minuto 61', quando o central convertido em trinco, se arriscou em demasia a ser expulso por acumulação de amarelos.
A segunda parte também começou frenética, sendo exemplos disso, o facto de Patrício ter sido obrigado a uma grande intervenção após disparo fortíssimo de Susaeta aos 52'; de Javi Martínez ter acertado no poste aos 53'; e de Insúa ter rematado também ao poste na sequência de um livre.
Como já disse, o árbitro da partida perdoou a expulsão a Carriço à passagem do minuto 61', e coincidência ou não, o Sporting passou a jogar mais recuado, e nem com as entradas de Jeffrén e Carrillo, conseguiu criar lances claros de golo.
Já sobre o minuto 90', e quando toda a gente esperava o prolongamento, Ibai Gómez fez 'gato sapato' de João Pereira, já no interior da área, e cruzou para a emenda de Llorente, com a bola a embater no poste e a entrar na baliza de Rui Patrício.
O Sporting falha assim o acesso à final da Liga Europa, mas pode e deve-se enaltecer a grande campanha leonina até esta fase da prova, e ainda o facto de os leões terem caído de pé nesta eliminatória.
A final da prova está marcada para o dia 16 de Maio em Bucareste, na Roménia, e colocará frente-a-frente o Athletic Bilbao e o Atlético de Madrid de Sílvio, Pizzi e Tiago, se bem que o médio internacional A português foi expulso no jogo de hoje frente ao Valência - que terminou com vitória madridista por 1-0 - e falhará o jogo decisivo da competição.
Ficha de Jogo:

Jogo realizado no Estádio San Mamés, em Bilbao - Espanha
Quarteto de arbitragem composto por: Martin Atkinson (Inglaterra - Árbitro Principal); Michael Mullarkey e Stephen Child (Árbitros Assistentes); Mike Dean (Quarto Árbitro)

At. Bilbao (4-3-3): Iraizoz; Iraola, Amorebieta, Javi Martínez e Aurtenetxe; Ander Herrera (Iñigo Pérez 90+4'), Iturraspe e Muniain (Ekiza 90'); Susaeta, Llorente e Ibai Gómez (Toquero 90+2').
Treinador: Marcelo Bielsa. Suplentes Não Utilizados: Raúl; San José, David López e Gabilondo.

Sporting (4-2-3-1): Rui Patrício; João Pereira, Xandão, Polga e Insúa; Schaars e André Martins (Carrillo 83'); Pereirinha (Jeffrén 63'), Matías (Carriço 45') e Capel; Wolfswinkel.
Treinador: Sá Pinto. Suplentes Não Utilizados: Tiago; Onyewu, Evaldo e Diego Rubio.

Disciplina:
Amarelos: Wolfswinkel 10'; Amorebieta 54'; Carriço 59'; Ibai Gómez 75'.

Marcador: 1-0 Susaeta 17'; 1-1 Wolfswinkel 44'; 2-1 Ibai Gómez 45'; 3-1 Llorente 88'.

Sem comentários:

Enviar um comentário