sexta-feira, 19 de abril de 2013

Segunda Liga: Feirense acaba com seis jogadores

(Sténio é expulso aos 67' minutos. Sete minutos depois, a partida terminaria.)
Um cenário algo habitual no futebol amador, aconteceu, de forma altamente improvável, numa liga profissional portuguesa, neste caso, na Segunda Liga: o Feirense teve três jogadores expulsos, esta quarta-feira, diante do Sporting-B, e quando estava com oito jogadores em campo, viu mais dois terem que sair lesionados.
Os azuis da Feira já não podiam fazer substituições, e aos 74' minutos - o Sporting-B ganhava 3-1 -, o árbitro Manuel Mota foi obrigado a dar a partida como terminada, devido a uma diferença numérica quase 'gritante'.
Tudo começou aos três minutos, quando o guardião Marco derrubou Esgaio na grande área e foi expulso com vermelho directo. Quim Machado lançou o suplente Carlos Fernandes - internacional por Angola e ex-Boavista -, ele que havia sofrido um traumatismo crânio-encefálico no sábado anterior, e que estava no banco apenas para 'marcar presença', uma vez que a terceira opção, Sea, também estava indisponível.
Em cima do intervalo, Oliveira cometeu grande penalidade sobre Esgaio, e viu o segundo cartão amarelo, numa altura em que o mesmo Esgaio saía para o descanso com dois golos marcados de penalti, e com a sua equipa a vencer já por 2-0.
Aos 55', seria a vez dos leões terem um jogador expulso, devido a uma forte entrada de Juary sobre Marcelo. Marcelo que sairia então lesionado aos 73' minutos, precisamente por causa deste lance, numa altura em que o Feirense já jogava com oito, por expulsão de Sténio aos 67' minutos.
Nesta altura, o resultado já estava cifrado em 1-3, graças a golos de Gael Etock para o Sporting-B aos 48' minutos, e de Rafa Silva aos 59', para o Feirense.
Pouco antes da lesão de Marcelo, Carlos fez uma defesa apertada a um potente remate de Diego Rubio, e sentiu necessidade também ele de abandonar a partida.
Com o Feirense reduzido - ou limitado? - a apenas seis jogadores, Manuel Mota ainda esperou os regulamentares cinco minutos na expectativa de algum jogador 'fogaceiro' recuperar, mas tal não aconteceu, e a partida ficou-se por ali, aos 74' minutos.
Esta sexta-feira, a Liga de Clubes anunciou os castigos à equipa feirense, que além de perder o jogo por 0-3, terá ainda que pagar uma multa de 1,275.00€.
Depois da na época passada ter enfrentado uma União de Leiria composta por apenas oito jogadores, quis o destino que o Feirense acabasse um jogo esta temporada com apenas seis elementos.
Casos diferentes, situações opostas, e o lado menos espectacular do futebol a funcionar.

Sem comentários:

Enviar um comentário