quinta-feira, 17 de março de 2011

Liga Europa: Venha(m) o(s) próximo(s)!

Feito histórico no futebol português: pela primeira vez Portugal consegue ter três equipas nos Quartos de Final da Liga Europa. Braga, Benfica e Porto eliminaram respectivamente Liverpool, PSG e CSKA Moscovo, podendo agora até haver um duelo luso na próxima fase.
A primeira equipa lusa a entrar em campo hoje, foi o Benfica: em Paris, os "encarnados" entraram melhor, exercendo mais pressão sobre a bola e com o domínio do jogo, chegando mesmo à vantagem, quando aos 27' Gaitán aproveitou um contra-ataque, inaugurando o marcador.
A vantagem do Benfica foi "Sol de pouca dura", uma vez que aos 35', Bodmer empatou a partida, favorável aos parisienses, mas o resultado não mais se alterou, e diga-se, o Benfica esteve sempre mais perto do 1-2 do que os franceses do 2-1.
Duas épocas depois, Jesus "vinga-se" assim do PSG, pois em 08/09 então ao serviço do Braga, o técnico encarnado havia sido afastado pelos parisienses nos Oitavos de Final da Liga Europa.
Mais tarde, entrou em campo o Braga. Em Liverpool, os bracarenses fizeram história, uma vez mais!
Depois de vitórias sobre Sevilla, Arsenal e sobre o próprio Liverpool na "cidade dos Arcebispos", o clube português aguentou o nulo na cidade dos Beatles, de princípio ao fim, conseguindo assim um feito histórico.
O Braga entrou melhor no jogo, não se deixando afectar pelo ambiente de Anfield, e fazendo depois uma exibição muito coerente e segura, travando de uma ou de outra maneira, todas as investidas dos "Reds", valendo também aos bracarenses, a segurança de Artur entre os postes.
Na fase final da partida, o Liverpool pressionou mais, como é natural, tentando de tudo para chegar ao golo, mas os bracarenses afastaram sempre o perigo da sua área, excepto um lance de cabeça, em que Skrtel ia marcando.
O Braga segue em frente. Mais um feito histórico para o clube minhoto.
À mesma hora que o Braga entrou campo, o FC Porto também iniciou o seu desafio frente ao CSKA Moscovo.
Pode-se dizer que os "Dragões" entraram a vencer no jogo, pois aos 46'' segundos de jogo, Hulk inaugurou o marcador, num lance em que toda a gente pensava que Guarín chegaria ao esférico.
Um pouco sem querer, o FC Porto chegou a vantagem bem cedo, e praticamente "matou" o jogo e a eliminatória, e aos 24' James assistiu Guarín para o 2-0.
De colombiano para colombiano, Guarín apontou o terceiro golo em três jogos. Muito bom para um médio, habitualmente, defensivo.
Logo de seguida, aos 29', Tosic reduziu para 2-1, mas o Porto fez um jogo muito sereno, controlando sempre a partida, e gerindo a posse de bola a um bom ritmo, algo que é habitual nesta equipa.
A partida ficaria 2-1 a favor dos portistas que, naturalmente, seguem também para os Quartos de Final.
O sorteio dos Quartos de Final da Liga Europa, realiza-se amanhã em Nyon na Suiça, pelas doze horas portuguesas, e ficará já definido o emparelhamento das meias finais. As equipas portuguesas podem-se defrontar já na próxima fase.

Sem comentários:

Enviar um comentário