quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Espanha: Real Madrid humilha Barcelona em Camp Nou

(Ronaldo atenta no corte de Khedira sobre Messi. O argentino passou ao lado do jogo.)
O Real Madrid humilhou ontem à noite o Barcelona, em pleno Camp Nou, vencendo por 3-1, na segunda mão da meia-final da Taça do Rei.
Os madrilenos estiveram a vencer por 3-0 a mais de vinte minutos do fim, graças a um bis de Ronaldo e a um cabeceamento do francês Varane. Jordi Alba reduziu para os blaugrana já bem perto da entrada para o período de compensação.
A turma da casa até entrou melhor, e se Di Maria não fez penalti sobre Messi por centímetros, na resposta, Ronaldo sofreu falta de Piqué dentro da área, e chamado a converter o castigo máximo, o internacional luso adiantou os merengues aos 13' minutos.
O Barça tardou em reagir com cabeça, tronco e membros, apesar da habitual posse e circulação de bola, e o mais perto que ficou de marcar, foi quando Iniesta com um remate de fora-de-área, fez com que o esférico passasse ligeiramente ao lado da baliza de Diego López.
No segundo tempo, a entrada merengue no jogo seria soberba, e aos 57' minutos, Di Maria com um lance espectacular, 'partiu os rins' a Puyol, rematou para defesa de Pinto, e a bola sobrou caprichosamente para Ronaldo, que 'matou' no peito e encostou para o 0-2.
Jordi Roura fez entrar David Villa para o lugar de Fàbregas dois minutos depois, mas seria o Real a marcar novamente cerca de dez minutos volvidos, quando aos 68' e na sequência de um canto, o francês Varane cabeceou completamente à vontade para o 0-3.
O resultado ganhava contornos de 'escândalo' e goleada, e o melhor que a turma da casa conseguiu, foi reduzir já perto do minuto noventa por Jordi Alba, que apareceu na área a concluir de primeira um excelente passe de Iniesta.
Assim, o Real Madrid está de novo na final da Taça do Rei, dois anos depois de o ter feito pela última vez. Para essa final, a turma merengue conhecerá o seu adversário esta noite, sendo que o rival Atlético está em vantagem sobre o Sevilha.

Sem comentários:

Enviar um comentário