quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Jogador do ano: Hulk

'The Incredible'. Hulk foi o melhor marcador do campeonato português com vinte e três golos marcados - nove de grande penalidade -, mais sete que dois pontas de lança: Falcao e João Tomás.
Apesar de ser extremo, o brasileiro já havia mostrado a sua veia goleadora nos anos anteriores, mas na temporada passada afirmou em definitivo, que gosta de marcar golos com larga frequência.
Na Taça de Portugal, Hulk apontou cinco golos, enquanto na Liga Europa, marcou oito. Além dos golos, há a referir uma dependência que parece acentuar-se cada vez mais: o Porto é já desde há algum tempo, um pouco Hulk-dependente.
É algo que se tem visto com mais assiduidade na actual temporada, pois o mau momento que os portistas atravessaram, começou a ser 'resolvido' com Hulk a ponta de lança: foi ele que abriu o caminho para a vitória em Donetsk, frente ao Shakhtar, e foi ele que marcou dois golos ao Sp. Braga, que ajudaram a dar um 'pontapé na crise'. Entretanto, leva já sete golos no campeonato - dois de grande penalidade.
A juntar a isto, há ainda o facto de Hulk ser, agora, presença assídua nas convocatórias de Mano Menezes, seleccionador do Brasil. Givanildo Vieira de Souza, soma já oito internacionalizações.

Sem comentários:

Enviar um comentário