terça-feira, 1 de novembro de 2011

Liga: Gil - Marítimo começou ontem...e acabou hoje

A partida entre o Gil Vicente e o Marítimo, que encerrava a jornada nove da Liga ZON Sagres, começou na noite de ontem, mas acabou hoje à tarde, visto que o nevoeiro pregou uma grande 'rasteira' a toda a gente, com principal prejuízo para a formação madeirense.
A primeira parte do jogo até foi disputada com alguma intensidade, com o Marítimo mais esclarecido na hora de atacar, valendo quase sempre, a intervenção do guarda-redes Adriano, aos da casa.
O Gil Vicente também andou perto de fazer golo, quando Guilherme teve um desvio à boca da baliza, que acabou por sair ligeiramente ao lado. O pior (ainda) estava para vir.
Durante o intervalo, o nevoeiro abateu-se sobre o Estádio Cidade Barcelos, mas acabaria por levantar ainda antes do encontro recomeçar.
Aos 51' minutos, o árbitro Rui Silva viu-se obrigado a parar a partida durante quatro minutos; e depois, aos 75', voltaria novamente a parar a partida, desta vez por dezasseis minutos.
As equipas aprovaram o reatamento do jogo, mas três minutos depois, o guarda-redes do Gil, Adriano, informou a equipa de arbitragem que não via a outra baliza. Faltavam jogar quinze dos dezanove minutos de compensação dados por Rui Silva.
Quinze minutos esses que foram jogados já hoje, com início às 16h. Bola muito pelo ar, e muito pouco futebol, com os técnicos a aproveitarem para fazerem mudanças.
Benachour (Marítimo) entrou durante os tais quinze minutos, e foi o jogador que esteve mais perto de marcar, sendo 'apenas' travado por Adriano, que confirmou a distinção de melhor em campo. Foi ele o grande 'responsável' pelo facto da partida não registar golos quando o nevoeiro impediu que se jogasse até ao fim.

Sem comentários:

Enviar um comentário